Nº 1390 ano 2020
Data:

Principal Coronavírus em Palmas


Palmas continua na faixa verde de internação com índice abaixo de 50%

O Boletim aponta que 59 pessoas estão internadas por causas ligadas à Covid-19 no município.

Por: Divulgação
Publicada em: 16/10/2020 16h49min
Atualizada em: 20/10/2020 1h04min

O Boletim Epidemiológico n° 211, informa que a taxa de ocupação em Palmas permanece na faixa verde (abaixo de 50%). O índice de ocupação hospitalar é de 25,1%, A respeito dos leitos clínicos públicos e privados, a taxa de ocupação está em 16,7%. Já a taxa de internação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 33,1%.

O Boletim aponta que 59 pessoas estão internadas por causas ligadas à Covid-19 no município. Do número, 28 (47,5%) residem em Palmas e 31 (52,5%) são habitantes de outras cidades e/ou estados.

Em relação à ocupação dos leitos de estabilização das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Palmas, o documento aponta que a UPA Sul está com 14,3% dos leitos ocupados. Já a UPA Norte tem 5,9% de taxa de ocupação.

Ainda nesta sexta-feira, 221 pacientes receberam alta da doença. Até o momento, 10.111 pessoas na cidade conseguiram vencer o vírus e se recuperar da Covid-19.

Situação Atual

Também nesta edição, o Boletim Epidemiológico informa que São 55 casos novos da Covid-19 na Capital, sendo 32 mulheres e 23 homens.

A vigilância epidemiológica de Palmas informa que após 215 dias de resposta, até às 12 horas do dia 16 de outubro de 2020, totaliza 70.312 notificações para síndrome gripal (SG), onde estão incluídos também os casos suspeitos para Covid-19. Destes, 23.804 descartados e 16.872 casos confirmados (números acumulados) para a doença. A capital conta com 171 óbitos por Covid-19. A letalidade é de 1, 01%.

Exames

Dos 291 testes para detectar a doença na Capital, o Laboratório Municipal realizou 223 (22 confirmados) e 201 descartado. Laboratório Central do Estado (Lacen/TO) testou 49 pessoas (14 positivos) e os laboratórios privados testaram 19 pessoas, todos tiveram diagnósticos positivos para a doença.