Nº 1400 ano 2021
Data:

Principal


Governo do Tocantins já atendeu mais de 70 mil famílias com ação emergencial

Ação visa reduzir os impactos da pandemia do novo Coronavírus à população tocantinense mais fragilizada

Por: Divulgação
Publicada em: 21/05/2020 14h50min
Atualizada em: 25/05/2020 15h39min
Foto: Governo do Tocantins
Governo do Tocantins garante a segurança alimentar da população

 

Mais de 70 mil famílias já foram beneficiadas com uma ação emergencial promovida pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), em todas as cidades tocantinenses. A entrega de cestas básicas visa reduzir os efeitos da pandemia de novo Coronavírus, causador do Covid-19, à população mais fragilizada.

O secretário estadual de Trabalho e Desenvolvimento Social, José Messias Araújo, falou que uma ação pode permitir a população ou o cumprimento das medidas de isolamento social. “O governo assume seu papel de garantir a segurança alimentar a essas vulnerabilidades, para aquelas que têm condições de proteger e proteger seus familiares”, ressaltou.

Já foram entregues nos últimos dois meses mais de 1.190 toneladas em cestas básicas que atendem taxistas, mototaxistas, assentados, garçons, catadores de materiais recicláveis, artesãos, músicos, idosos, estudantes e muitos outros grupos que são vulneráveis, por conta do indivíduo social.

Região Sul

A partir desta segunda-feira, 25, uma ação seguirá em várias cidades da região sul do Estado.

Mais de 3.600 cestas básicas serão entregues nas cidades de Aliança, Alvorada, Araguaçu, Cariri, Dueré, Figueirópolis, Formoso do Araguaia, Peixe, Sandolândia, São Valério da Natividade, Sucupira e Talismã.

Final de semana

No sábado e domingo, 23 e 24, uma ação emergencial não parou e cerca de 4.500 famílias foram atendidas em Gurupi, Jaú do Tocantins, Natividade, Palmeirópolis, Paranã e São Salvador.

Elizane Souza, moradora de Palmeirópolis, disse que a ajuda do governo do Tocantins é imprescindível nesse momento de pandemia. “Adquirir ao Governo do Estado por estar cuidando de todos nós nesse momento de tanta dificuldade”, afirmou.

Recurso

O recurso é agora o Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecho-TO), com base na Lei nº 3.015, de 30 de setembro de 2015, considerando uma decisão plenária no dia 23 de março de 2020 (resolução nº 01/2020 de 31 de março de 2020), que aprovou um destino financeiro de recursos para o Órgão Público Estadual de Execução de Projetos Sociais com vistas a combater e erradicar a pobreza, através da distribuição de 200 mil cestas básicas para a população carente, atingida pela recessão econômica, que vislumbra, há uma pandemia de novo Coronavírus, causadora do Covid-19 em proporções jamais presenciadas pela sociedade moderna de alimentos e itens de higiene do governo do Tocantins, por meio de Setas e de órgãos parceiros.