Nº 1331 ano 2019
Data:

Geral Corrida de rua


XIX Meia Maratona do Tocantins

A tradicional XIX Meia Maratona do Tocantins acontece nesse final de semana, 12 e 13 de outubro nos municípios de Palmas e Porto Nacional.

Por: Divulgação
Publicada em: 09/10/2019 17h39min
Atualizada em: 09/10/2019 17h49min
Foto: Divulgação

Apresentando um novo formato, a novidade da XIX Meia Maratona do Tocantins conta com a inclusão de novas provas e categorias. Além da prova dos 21 km (meia maratona), este ano também serão disputadas provas de 10 km e 5 km e prova infantil, de 20 a 300 metros.
Também está previsto para esse ano categoria para as forças de segurança, como os atletas integrantes das seguintes instituições: Policiais Rodoviários Federais– masculino e feminino; Policiais Militares – masculino e feminino; Militares das Forças Armadas – masculino e feminino; Policiais Federais – masculino e feminino; Policiais Civis – masculino e feminino; Bombeiros Militares – masculino e feminino; Agentes de Trânsito – masculino e feminino; Guardas Metropolitanos/Municipais – masculino e feminino; Agentes Penitenciários – masculino e feminino.
A prova que é realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), terá como organização técnica a Federação de Atletismo do Tocantins (Fato). O percurso terá aferição oficial pela CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), permitindo que os atletas tenham garantia que seus tempos sejam homologados e certificados para seus currículos.
Com o objetivo de valorizar a pratica esportiva e trazer melhoria da qualidade de vida, a maratona também está com um projeto internacional para no ano de 2020 que tem como planos a movimentação da economia e o turismo no Estado. Já nesse ano, algumas medidas são tomadas como pré-requisito internacional, como propostas que visam a preservação do meio ambiente.
De acordo com o superintendente de Esporte, Juventude e Lazer da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Robson Ferreira, essas medidas serão tomadas no decorrer do evento começando com a redução da produção de lixos, onde ao mesmo tempo os materiais que podem recicláveis, serão aproveitados por uma empresa de Palmas. A ideia é que o material possa ser transformado em fibras para serem utilizadas na construção de redes esportivas, ou em outros objetos.
A realização da corrida também tem como finalidade a complementação da preparação dos atletas tocantinenses de corridas de rua, e a preparação dos atletas que representarão o Estado do Tocantins na Corrida Internacional de São Silvestre em São Paulo.

Comentários

Deixe um comentário