Nº 1305 ano 2019
Data:

Estado Em 2018


Naturatins apresenta balanço das ações de Educação Ambiental

Nesse ano, 32 municípios fizeram a adesão do Protocolo do Fogo. Desses, 09 municípios implantaram o Protocolo do Fogo sendo Natividade, Aurora, Combinado, Lavandeira, Pugmil, Novo Jardim, Carrasco Bonito, Chapada de Areia e Taguatinga.

Por: Divulgação
Publicada em: 19/12/2018 14h41min
Atualizada em: 14/01/2019 16h04min
Foto: Divulgação
Os 23 municípios restantes renovaram a assinatura do Termo

Nesta quarta-feira, 19, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) apresentou um balanço do trabalho de Educação Ambiental realizado em 2018, pela equipe do Órgão.

Nesse ano, 32 municípios fizeram a adesão do Protocolo do Fogo. Desses, 09 municípios implantaram o Protocolo do Fogo sendo Natividade, Aurora, Combinado, Lavandeira, Pugmil, Novo Jardim, Carrasco Bonito, Chapada de Areia e Taguatinga.

Os 23 municípios restantes renovaram a assinatura do Termo entre eles estão Ananás, Bernando Sayão, Chapada de Natividade, Cariri, Cachoeirinha, Caseara, Divinópolis, Dois Irmãos, Fortaleza do Tabocão, Guaraí, Jaú, Lagoa da Confusão, Lizarda, Marianópolis, Novo Acordo, Palmeirópolis, Paranã, Pequizeiro, Ponte Alta do Tocantins, São Félix, Riachinho, Xambioá e Angico.

O Fórum Municipal do Lixo e Cidadania (FMLC) foi implantado em 10 municípios, para descentralização das discussões sobre a destinação adequada de resíduos sólidos. Entre eles, Xambioá, Natividade, Aurora, Combinado, Lavandeira, Luzinópolis, Pugmil, Chapada da Natividade, Taguatinga e Chapada de Areia.

O presidente do Naturatins, Marcelo Falcão, enfatizou a importância desse desempenho. "Além da sensibilização das comunidades sobre a importância da preservação do meio ambiente, o trabalho da equipe de Educação Ambiental busca capacitar os moradores a respeito das ações que favorecem o município. Com a implantação do Fórum, a meta é descentralizar as discussões sobre a redução e destinação dos resíduos sólidos, com a participação da sociedade, por meio de um colegiado composto de representantes locais", pontuou.

Em Arapoema

Entre os dias 11 e 14 deste mês, os técnicos do Escritório Regional de Arapoema receberam capacitações ministradas pela equipe de Educação Ambiental na sede do Naturatins, que tratou de temas como Protocolo do Fogo, Fórum Municipal do Lixo e Cidadania, além de oficinas de meio ambiente, ética profissional, legislação ambiental, política e o Programa Estadual de Educação Ambiental.  

A educadora Ambiental do Naturatins, Nelma Mota, reiterou. "Após a capacitação, em companhia da educadora Ambiental Edna Mendonça, nos reunimos com o supervisor da Regional do Naturatins de Arapoema, Kesley Carvalho e sua equipe. Na oportunidade foi reformulado o Plano Municipal de Educação Ambiental. Nos próximos dias, a unidade vai iniciar o planejamento das atividades e ações de educação ambiental que serão executadas a partir do próximo ano", concluiu.

Uma nascente no quintal

O senhor José Costa dos Santos, morador de Arapoema, é um Voluntário do Meio Ambiente que plantou uma floresta em torno de uma nascente, no quintal da sua casa. Ele conta emocionado. "Tem 36 anos que moro naquele lugar e decidi plantar em uma nascente da Bacia Amazônica, para deixar na história brasileira, ao povo, aos jovens, aos velhos, um incentivo para todos conservarem a natureza". O voluntário da unidade do Naturatins no Município expressa muito carinho com toda a equipe do Instituto e relaciona seus conhecimentos ao trabalho dos educadores.

Nesta semana, entre os dias 17 e 20, uma das equipes de Educação do Naturatins estará visitando as colônias de pescadores de Araguacema e Couto Magalhães para renovação das carteirinhas de Voluntários pelo Meio Ambiente. No decorrer desse trabalho, um dos técnicos de Arapoema também vai acompanhar a ação para capacitação nesse tipo de procedimento.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins