Nº 1326 ano 2019
Data:

Política Em Palmas


Filipe Fernandes pede mais ações preventivas contra queimadas

O vereador alerta a prefeitura de Palmas fazendo referência a publicação no Diário Oficial que trata de contratação de brigadistas, e conforme ele, no município consta mais de 500 bombeiros civis preparados, onde menos de 100 estão contratados no momento.

Por: Divulgação
Publicada em: 12/06/2019 10h30min
Atualizada em: 14/06/2019 17h10min
Foto: Aline Batista
Para Fernandes, as pessoas já dominam a “cultura do fogo”, que prejudica a população em geral

Na manhã dessa terça-feira, 11, o vereador Filipe Fernandes (DC) expôs durante sessão ordinária, sua preocupação com as queimadas, que são frequentes durante essa época do ano, período de estiagem. Fernandes pede mais atenção da prefeitura para realizar ações preventivas e evitar incêndios no qual já foram registrados mais de 350 casos de queimadas na só nesse mês.  

O vereador alerta a prefeitura de Palmas fazendo referência a publicação no Diário Oficial que trata de contratação de brigadistas, e conforme ele, no município consta mais de 500 bombeiros civis preparados, onde menos de 100 estão contratados no momento. “A prefeitura precisa preencher as vagas com bombeiros, até mesmo para coordenar e realizar um trabalho conjunto com os brigadistas para ajudar nessa prevenção à incêndios”, explicou. 

Para Fernandes, as pessoas já dominam a “cultura do fogo”, que prejudica a população em geral, no qual o alastramento da fumaça gera graves problemas de saúde além de matar os animais. “É preciso realizar um trabalho emergencial, questão de preservação do meio ambiente. Não podemos deixar acontecer de novo como na Serra do Carmo, que demorou quase seis meses para se recuperar do fogo que foi tomada ano passado, e deixar que aconteça de novo”, assegurou o parlamentar. 

Fernandes sugeriu ao Parlamento reunir-se com a secretária Municipal de Segurança e Mobilidade Urbana, Welere Gomes, para discutir maneiras preventivas e de combate a essa situação, além de saber sobre o orçamento disponível para ser aplicado no meio ambiente.

 

Comentários

Deixe um comentário